Finalizar uma compra é um problema para o consumidor que deseja adquirir um produto on-line. Em 2016, a taxa média de abandono de carrinho chegou a 69%.

No geral, os motivos estão relacionados ao processo de checkout, como por exemplo custos inesperados no envio, necessidade de criar uma conta, não encontrar um voucher de desconto ou um formulário complicado.

Se o objetivo é melhorar esse índice no seu e-commerce, o ideal é investir mais atenção no processo final de compra, o checkout. Torná-lo mais rápido e eficiente contribui para que o cliente faça negócio.

Para isso, algumas técnicas ajudam a fazer do checkout um processo otimizado. Veja abaixo:

Cadastro simples

Quando estamos no caixa do supermercado, só queremos que a fila ande rápido e que chegue logo a nossa vez, não é mesmo? A situação não é diferente quando a compra é online.

Incentivar os clientes a se cadastrarem é positivo, mas isso não pode fazer com que eles desistam da compra. Pergunte apenas informações essenciais, como nome, um documento e o endereço para entrega.  Aponte exatamente onde está o erro no preenchimento e guarde essas informações para facilitar a próxima compra do cliente.

Mantenha a atenção do cliente

Certifique-se de que o cliente não irá se distrair com imagens ou links que o levem para fora da página de checkout. Lembrá-los quais produtos estão no carrinho e o valor total do pedido é importante para que o usuário não deixe a página de compra em busca dessa informação.

Mostre também a sequência de passos até o final da compra. Esse indicador de progresso diminui a ansiedade do cliente e faz com que ele não desista da compra ao imaginar que ainda falta muito para o fim.

Processo rápido

Carregamento lento ou interrupções após o consumidor confirmar o pagamento pode fazer com que ele abandone o carrinho. Utilizar uma plataforma eficiente é crucial para manter a confiança e a fidelidade dos usuários.

Um processo de checkout eficiente não se limita às páginas finais da compra. Além das práticas já citadas, outras estratégias podem auxiliar na busca pela desejada conversão.

Cross-selling

Essa estratégia garante aumento na conversão e consiste em oferecer ao final da compra um outro produto complementar àquele que o cliente escolheu. Por exemplo, se o produto é um celular, ofereça acessórios como capas ou fone de ouvidos. É interessante que a compra desse produto proposto venha com uma vantagem para o usuário, um desconto ou até o frete grátis costumam dar certo. Dessa forma, o consumidor vai perceber que adquirir os acessórios naquela oportunidade é um bom negócio.

Desconto

Ofereça descontos ou um voucher. É comum as pessoas deixarem de comprar por não encontrar um preço que esteja de acordo com o que estão procurando.

Carrinho

Quem desiste da compra, pode mudar de ideia novamente. Dê a chance de o cliente recuperar o carrinho abandonado. Essa possibilidade é capaz de melhorar os índices de conversão.

Alertas

Antes do cliente fechar a janela do checkout, chame a atenção dele exibindo um alerta. Use frases como “Você não finalizou a compra. Quer mesmo sair desta página?”. Esse tipo de aviso gera dúvida no consumidor e elimina a possibilidade de abandono de carrinho por desatenção do usuário.

Opções de pagamento

Não limite tanto as opções pagamento. Nem todo mundo tem cartão de crédito ou uma conta no paypal. Ofereça opções diferentes, assim o usuário pode escolher o que melhor atende as necessidades dele.

Frete e entrega

Quando possível, ofereça frete grátis e entrega rápida. Isso é visto como uma vantagem pelo cliente e é um ponto importante no processo de decisão de compra.

Fazer com que a experiência do usuário na sua loja virtual seja agradável, demonstra interesse e empatia, características essas que são valorizadas pelos consumidores. Por isso, se seu e-commerce está com dificuldades para melhorar a conversão, não exite em verificar sua página de checkout, aplique essas dicas e boas vendas!

Deixe uma resposta